Média mensal de poupança atingiu novo recorde

208

Olá, Poupadores! Venho trazer mais uma atualização da minha jornada da riqueza.

Finanças

Em maio, houve crescimento de 32,72% na renda com relação ao mesmo período do ano passado. Explicado, pelo crescimento de nossos salários (+23,57%) e dos investimentos (+88,22%). No acumulado do ano a alta é de 20,22%.

Na ótica das despesas, comparamos com o mês anterior, e, nesse caso, gastamos 55,83% a menos. Não tivemos despesas extraordinárias e voltamos a ficar dentro da nossa previsão orçamentaria.

Agora no início de junho compramos nosso apartamento, então teremos despesas com taxas e transferências, em um outro artigo falarei mais de como foi todo o processo de compra.

Subtraindo as despesas dos nossos ganhos, conseguirmos poupar 70,78% de nossa renda e nos últimos 12 meses chegamos ao recorde de 59,90%.

Renda Passiva

Tivemos renda passiva (sem trabalhar) de R$ 3.945,04. Com esse resultado, no acumulado de 12 meses, nossa média mensal subiu para R$ 2.236,04.

Com a compra do apartamento, que não estava previsto quando traçamos o panorama para este ano, vamos precisar ajustar nossa meta de renda passiva de R$ 2.996,57 para R$ 2.900,69.

Investimentos

Em maio a bolsa subiu 3,74%, e nossa carteira, olhando exclusivamente para ações, seguiu ganhando da bolsa e rentabilizou 4,88%. Consolidando renda fixa + renda variável, tivemos uma rentabilidade de 4,56%.

A proporção entre renda variável e fixa ficou, respectivamente, 69,04% v.s. 30,96%, uma variação de 0,28% a favor da renda variável. Com o uso do FGTS na compra do apartamento a proporção deve ir para 75%-25%.

A carteira permaneceu com 38 ativos (troca de VLID3 por RECR11), alocados da seguinte forma:

Liquidei a posição em Valid (VLID3) conforme a cotação foi subindo, considerando os dividendos devo ter saído com prejuízo dado o custo de capital. Boa parte da grana foi destinado a ativos que pagam mais renda, como: ABCB4, CMIN3, RECR11 e XML11.

Maior alta: Cogna (COGN3) com 41,67%.

Maior queda: Cielo (CIEL3) com 14,47%.

Melhores ações da carteira para comprar: ABCB4, CMIN3, FESA4, ITSA4 e PRIO3.

Riqueza

Com o resultado da poupança somado ao resultado dos investimentos, nosso patrimônio líquido subiu 4,30%. Acumulando 13,17% de alta em 2023.

O resultado até aqui continua acima das expectativas e por enquanto o otimismo tomou conta da bolsa, tornando o cenário futuro mais positivo para atingirmos nossos objetivos.

É isso Poupador, seguimos na jornada da riqueza mês a mês, sem atalhos, rumo ao milhão. Não deixe de nos acompanhar pelo Instagram e youtube para ficar por dentro do mundo da educação financeira e dos investimentos. Até a próxima!

 

Artigo anteriorResultados do 4T22 da Oi. Vale a pena investir na empresa?
Próximo artigoOIBR3: Saiu os resultados do 1T23, e agora?