Bolsa caiu quase 7% e meu patrimônio foi junto

30
Mesmo na crise, as movimentações na bolsa não param

Olá, Poupadores! Venho trazer mais uma atualização mensal do meu patrimônio.

A bolsa de valores fechou, novamente, no vermelho, com queda de 6,74% e, dessa vez, a minha carteira caiu junto, queda de 5,91%. Como quase 80% do meu patrimônio está investido, a queda mensal chegou a 5,08%.

Com essa pancada, todos os três indicadores da riqueza pioraram, nos deixando um pouquinho mais distantes do primeiro milhão.

Quarto mês consecutivo de queda na bolsa, dado o histórico fica cada vez mais provável que o próximo mês será de alta, mesmo que seja tímida.

A seguir, você confere isso em detalhes.

Saiba mais sobre o que é a Jornada da Riqueza e como medir sua riqueza de verdade.

Indicador de Ativos Geradores de Renda

Este indicador mostra, em percentual, quanto o seu dinheiro está trabalhando para você. Quanto maior o percentual, melhor.

Este indicador não caia desde de fevereiro, agora em outubro caiu de 78,84% para 78,02%. A carteira de investimento teve um resultado que acompanhou a forte queda da bolsa (quase 7%) diminuindo consideravelmente o patrimônio, fazendo que o peso do patrimônio que não está investido aumentar.

Indicador de Endividamento

Este indicador é dado pela soma total de passivos dividida pela soma total de ativos. Ele é responsável por mostrar como o seu aumento patrimonial está sendo financiado: com dinheiro próprio ou através de empréstimos de bancos, financeiras, cartões, etc. Saiba mais sobre a taxa de endividamento.

O indicador teve um aumento expressivo, explicado pela antecipação de uma compra que seria realizada apenas em 2022, mas que foi possível realiza-la agora pela folga no orçamento deste ano. Para novembro vamos comprar passagens aéreas para visitar familiares, devendo contribuir para uma nova alta no indicador.

Indicador da Riqueza

Este indicador serve como um termômetro da independência financeira. Ou seja, viver apenas do rendimento dos investimentos. É preciso prestar bastante atenção a este indicador caso você deseje viver somente de rendimentos. A partir de março de 2020, o período de comparação foi estendido para 24 meses. E em maio de 2021 o período foi estendido para 36 meses.

Uma leve queda pelo aumento de 1,46% do padrão de vida e estabilidade nos ganhos com investimentos.

Depreciação

Também faço a depreciação mensal de boa parte dos meus bens, pelo menos dos que têm algum valor. A depreciação, em resumo, é o custo do uso do bem ao longo do tempo. Saiba mais sobre depreciação. Quanto menor o valor, melhor, pois preciso gastar menos dinheiro para manter o mesmo padrão de vida.

Mais um mês de valorização. Pesou a favor a valorização de R$ 856,80 no preço do meu carro usado. Com esse resultado, meu carro passou a representar 10,06% do meu patrimônio, em linha com os 10% desejados.

Patrimônio Líquido

Meu Patrimônio Líquido (descontadas as dívidas) caiu 5,08% nesse décimo do ano. Contribuiu para o resultado o retorno de -5,91% dos investimentos e a baixa poupança do mês (15,37%).

Portando, no acumulado do ano, a valorização patrimonial está em 19,43%, abaixo da primeira meta anula estipulada de 21,46%. Não pensei que teríamos um mês de tamanha queda na bolsa após três meses de baixa, infelizmente aconteceu e a bolsa caiu quase 7%, puxando meu patrimônio junto.  

Faz tempo que a bolsa não tem 5 meses de quedas consecutivas, assim estou otimista para novembro. Considerando que temos apenas dois meses para terminar o ano, previsão de poupança abaixo das médias e histórico de rentabilidade, acredito que será bem difícil chegar na nova meta estipulada de 29,84%.  O mais provável é que consigamos um resultado entre as duas metas, provavelmente uns 24-25%, o que não deixa de ser um bom resultado.

Vamos manter o foco, continuar executando a formula da riqueza e ver o que acontece.

Acompanhem-nos pelo instagram para ficar por dentro do mundo dos investimentos e conferir muitas dicas para fazer o seu dinheiro trabalhar para você.

É isso, Poupadores, até a próxima!

Artigo anteriorQual é o patrimônio ideal de acordo com minha renda e idade?
Próximo artigoÚltima revisão orçamentária do ano